• Desporto

    Miguel Oliveira e o milagre do Grande Prémio da Catalunha

    Com os pilotos das três categorias a surpreender é difícil eleger o melhor. A dobradinha de Jorge Lorenzo, a primeira vitória de Fabio Quartararo e o regresso ao pódio de Bastianini. No entanto, quem deixou todos de boca aberta não foi nenhum dos vencedores. Mais uma vez, Miguel Oliveira surpreendeu tudo e todos com uma recuperação incrível. Com as temperaturas altas, a temperatura do asfalto ascendeu perto dos 50ªC. Se a isto juntarmos uma pista que foi reasfaltada temos a combinação perfeita para as quedas que acabaram por acontecer. De realçar também que a própria pista deste circuito sofreu algumas alterações. Logo a seguir ao GP de França deste ano,…

  • Atualidade

    Carles Puigdemont foi libertado, afirma ser uma vergonha para a Europa ter presos políticos

    Após ter pago a fiança imposta pelo tribunal alemão de 75 mil euros, o ex-presidente da Catalunha foi libertado e expôs as suas opiniões em relação à sua detenção, apelando pelos seus companheiros. O ex-presidente catalão saiu da prisão de Neumunster perto das 13h de sexta-feira, duas semanas após ter sido detido na Alemanha quando tentava regressar à Bélgica. À saída pediu que todos os seus companheiros que estão presos fossem libertados imediatamente, afirmando que “é uma vergonha para a Europa que tem lutado pela democracia ter presos políticos que não cometeram qualquer crime”, recorde-se que estão presos outros 13 políticos independentistas por crimes de rebelião. Puigdemont reforçou ainda: “É…

  • Opinião

    A 4 Mãos: O que fica de 2017?

        Marcos Melo (MM): 2017 está a dar as últimas. 2018 esgueira-se, ao virar da esquina. Foram doze meses recheados de acontecimentos — uns mais mediáticos e outros mais discretos. Nestas lides dos media, é um habitué fazer-se a revista do ano. Por razões compreensíveis, todos os órgãos de comunicação social debruçam-se sobre os mesmos assuntos — e, provavelmente, nós fá-lo-emos, também. Neste artigo, proponho respondermos à pergunta: quando pensas em 2017, de que te recordas? Contudo, não somos obrigados a mencionar o óbvio (podemos ou não fazê-lo).  Assim sendo: Maria, sob o teu olhar, o que marcou 2017?   Maria Moreira Rato (MMR): O acontecimento que surge na…

  • Atualidade

    Julgamento de extradição de Puigdemont adiado

    A justiça belga retardou a decisão de extradição do líder da Generalitat. Os advogados dos antigos dirigentes catalães serão ouvidos no dia 4 de dezembro. O julgamento surge na sequência da ordem de regresso europeia do ex-líder catalão e quatro ex-conselheiros do governo autónomo.     O Ministério Público da Bélgica pediu esta sexta-feira, 17 de novembro, a execução dos mandados de detenção europeus contra o presidente deposto do governo da Catalunha, Carles Puigdemont, e quatro ex-conselheiros, mas o juiz titular do processo decidiu adiar, para o próximo dia 4 de Dezembro, a decisão sobre os pedidos de extradição pendentes. Carles Puigdemont e os ex-conselheiros – Antoni Comín (Saúde), Meritxell Serret (Agricultura),…

  • Atualidade

    Catalunha: Tribunal Constitucional espanhol anula declaração unilateral de independência

    A declaração unilateral de independência da Catalunha tinha sido aprovada no dia 27 de outubro, numa votação secreta com 70 votos a favor, 10 contra e duas abstenções, onde a oposição não esteve presente. O Tribunal Constitucional espanhol anulou esta quarta-feira a declaração unilateral de independência da Catalunha, aprovada no Parlamento regional catalão a 27 de outubro. A declaração já havia sido suspensa pela Justiça espanhola, depois do Governo espanhol ter considerado que o documento ia contra a Constituição. O Governo espanhol tinha solicitado a anulação do documento há quase duas semanas, depois de este ter sido aprovado à revelia do Estado espanhol, numa votação secreta com 70 votos a favor,…

  • Atualidade

    Emitido mandado europeu de detenção contra Puigdemont

    Esta quinta-feira o Ministério Público espanhol pediu à Audiência Nacional a emissão de um mandado de captura internacional contra o ex-presidente da Catalunha, Carles Puigdemont, e mais quatro membros do Governo catalão que o acompanham em Bruxelas. Tudo começou quando no passado sábado, dia 30 de outubro, o executivo de Mariano Rajoy anunciou a dissolução do parlamento regional, a destituição de todo o governo catalão e a realização de eleições para 21 de dezembro. Após estas declarações, Puigdemont viajou para a Bélgica na passada segunda-feira. O líder da Generalitat afirmou não ter ido em busca de asilo político. Foi para “levar o problema catalão ao coração da Europa” e promover…

  • Atualidade

    Puigdemont e “outros membros do Governo destituído” estão na Bélgica

    Os membros destituídos do parlamento da Catalunha são acusados de “rebelião, sedução e fraude”, em Espanha. A informação de que Puigdemont terá ido para a Bélgica – avançada pelas agências noticiosas Efe e Associated Press – foi confirmada uma hora depois de o procurador geral, José Manuel Maza, ter anunciado a acusação contra os principais membros do governo catalão por rebelião, sedição e fraude e contra a presidente do Parlamento regional e os membros da mesa que processaram a declaração de independência. Segundo o jornal espanhol La Vanguardia, além de Puigdemont, encontram-se também na Bélgica “outros membros do Governo destituído”. A cadeia de televisão pública flamenca VRT News referiu que…

  • Atualidade

    Catalunha: centenas de milhares gritam pela união de Espanha e pela prisão de Puigdemont

    A manifestação a favor de uma Espanha unida e da prisão do ex-líder catalão, Puigdemont, foi organizada pela “Societat Civil Catalana” e ocorreu no passado domingo no Paseo de Gracia, uma das avenidas mais movimentadas de Barcelona. Em consequência da declaração da independência unilateral da Catalunha, a organização “Societat Civil Catalana” organizou uma manifestação no passado domingo, que juntou centenas de milhares de pessoas no centro de Barcelona, cujo lema principal era “Todos somos Catalunha! Pela convivência, sensatez”. Segundo a polícia local, o número de manifestantes era cerca de 300 mil. No entanto, a organização do protesto afirma que um milhão de pessoas marcou presença na capital catalã. O objetivo…

  • Atualidade

    Senado aprova, em Madrid, o artigo 155º e parlamento catalão proclama independência

    O Senado espanhol aprovou, esta sexta feira, o artigo 155º da constituição espanhola. Em resposta, o parlamento catalão proclamou a independência catalã com 70 votos a favor, 10 contra e 2 em branco. O presidente da Comissão Europeia já reagiu aos acontecimentos. Ainda é um acontecimento recente, mas já é seguro afirmar que Mariano Rajoy (presidente do governo espanhol), atuará no sentido de punir os atos inconstitucionais do governo da Generalitat (governo da região autónoma da Catalunha). O governo espanhol irá fazer-se valer do artigo 155º da constituição de Espanha. O governo catalão, mesmo sabendo das pretensões do Senado espanhol, aprovou a declaração de independência com cerca de 90% dos…

  • Atualidade

    Catalunha: sessão parlamentar suspensa

    Um dia após um novo confronto entre Puigdemont e Rajoy, a sessão do parlamento regional catalão foi suspensa por decisão do Tribunal Constitucional espanhol. A medida visa impedir uma possível declaração de independência por parte da Catalunha. A suspensão surge depois de este tribunal ter recebido uma petição, esta quinta-feira, do Partido Socialista da Catalunha no seguimento da convocação de uma sessão parlamentar para a próxima segunda-feira, dia 9. O recurso apresentado pelo (PSC), – antagonista do movimento de cisão –, enfatiza que a convocação da sessão plenária significaria “ignorar a suspensão proveniente do Tribunal Constitucional”, acerca da Lei do Referendo. Aprovada a 6 de setembro, tendo sido entretanto suspensa…