• Artes Visuais e Performativas

    Paus na sexualidade

    Não é preciso sermos uma árvore para sabermos o que é um Pau Duro com Coração Mole, ou um pau mole de coração duro. Em muito estes trocadilhos, e não falando de galhos, transmitem os modos como podemos encarar uma atração. Assim, na exposição “ Pau Duro Coração Mole “ encontramos excertos de algo que nos é tão familiar como o sexo e o amor. Ao que cada série poderia ser considerada arte erótica e simultaneamente não o é, uma vez que não apela apenas à imagem como estímulo sexual mas como estímulo do que é ser sexual e de como é encarada a sexualidade. Os quatro artistas, são artistas…

  • Capital

    Os Cinco Cafés Mais Instagrammable de Lisboa

    Quem é que nunca fotografou a sua refeição antes de começar a comer? Exatamente, todos nós – nem que tenha sido para enviar para o grupo de amigos do Whatsapp ou para a história do Snapchat, onde, por vezes, ninguém quer saber o que comemos. Num mundo onde o Instagram é uma prioridade e onde a nossa vida quase que gira à volta desta aplicação, neste artigo decidimos trazer alguns sítios instagrammable de Lisboa que devem visitar, não só para provar pratos deliciosos, mas também para tirarem fotografias incríveis. E o que é isto de algo ser instagrammble? Trata-se de quando objetos, locais ou as mais variadas coisas que possam…

  • Capital

    #FollowMe

    Não, isto não é um pedido pessoal para me seguirem no Instagram, mas sim o nome da exposição do artista suíço Noël Fischer, que atualmente se encontra exibida na capital. Noël Fischer convida todos a segui-lo e acompanhá-lo em vários momentos do seu quotidiano. Follow Me foi inaugurada dia 5 de novembro e irá permanecer até dia 12 de dezembro na Galeria Monumental, onde o artista exibiu a sua exposição de pintura e instalação em 2007, “O lugar do crime”. A exposição deste artista encontra-se dividida em duas partes. Na primeira sala, encontramos 700 azulejos (sim, 700) pintados a três cores, produzidos na fábrica de cerâmica Viúva Lamego. Em cada…

  • Opinião,  Secções,  Sem Categoria

    O (não tão) fantástico mundo das bloggers

    Tudo pelos “likes”; nada contra os “likes”! Anda tudo a falar de Essena O’Neill, uma australiana de 18 anos que é “famosa” no Instagram. Ou, se calhar, era. Essena tinha cerca de 750 mil seguidores na rede social e era paga por cada publicação que partilhava lá. Uma simples fotografia a usar determinada peça de roupa podia valer-lhe largas centenas de euros. Essena parecia ter uma vida quase perfeita: parecia é a palavra-chave. A rapariga cansou-se de fingir ser algo que, afinal, não era e começou eliminar algumas fotografias e editar as legendas das restantes, mostrando a realidade associada a cada uma das partilhas. Numa delas, por exemplo, escreveu: “ISTO…

  • Artes Visuais e Performativas

    A fotografia fácil

    Em Outubro de 2010 uma revolução aconteceu, não para o Ocidente, não para a humanidade, mas sim para a arte fotográfica. O “Instagram” nasce e, hoje, com mais de 300 milhões de utilizadores, foi o único instrumento criado que gerou a democratização da fotografia com que nos deparamos. O nome é uma mescla de “Instant camera” (câmara instantânea) e “telegram” (telegrama). O objectivo é simples: através de um smartphone, captar um momento e postá-lo, imediatamente, na Internet. Mais de 60 mil imagens são postadas por dia e uma nova profissão nasceu: “instagramer”. Mas, afinal, que fenómeno é este? Tendo em conta que é uma rede social apenas de fotografias, hoje,…

  • Opinião

    Instapinion? Não, obrigado.

    Muda-se de tudo menos de clube. Sempre ouvi dizer isto e concordo plenamente. Porquê? Porque dizer isto não é diferente do que dizer “muda-se de tudo menos daquilo que não interessa”. Clube aqui serve como metáfora, pelo menos para mim. Sejamos honestos, o futebol não interessa para nada. Eu adoro futebol mas sei que não deve ser um modo de vida ou razão para grandes chatices. É apenas um espectáculo como outro qualquer. Fico mais feliz ou mais contente, nada mais. Mas guardo este tópico para outra semana. Hoje o que interessa é o Instagram e o grilo falante. Sempre adorei falar sozinho. Em voz alta ou a pensar sou…