• Atualidade

    Jorge Simões renuncia à presidência do Conselho Nacional de Saúde

    O marido da nova ministra da Saúde demitiu-se esta sexta-feira do cargo de presidente do Conselho Nacional de Saúde. Jorge Simões invocou “motivos pessoais” para a decisão. A decisão foi revelada à agência Lusa. Jorge Simões, marido da atual ministra da Saúde, Marta Tremido, renunciou o cargo de presidente do Conselho Nacional de Saúde (CNS). No entanto, este referiu à mesma agência que a sua decisão final iria ser comunicada primeiramente aos membros do organismo, numa reunião que irá tomar lugar na próxima semana. Segundo o Serviço Nacional de Saúde, o Conselho Nacional de Saúde é um órgão consultivo do Governo, mas independente. É composto por 30 membros, nos quais…

  • Literatura

    Livraria Lello: 112 anos de História

    Em 2018, a livraria conseguiu superar o seu recorde de vendas desde o dia em que abriu. O turismo e a crescente procura pela cultura são os principais fatores que justificam o aumento das visitas. Com 112 anos de existência, esta é considerada uma das mais belas livrarias da Europa. A escadaria de madeira, a fachada neogótica que surpreende todos aqueles que por lá passam, o colorido teto de gesso pintado, as prateleiras com livros de A a Z, a longa fila de espera para conseguir entrar e a admiração na cara de todos aqueles que, pela primeira vez, a visitam. Hoje, a livraria Lello é um dos pontos de…

  • Atualidade

    Governo sofre remodelação: mexidas na Saúde, Cultura e Economia

    António Costa fez – este domingo – a maior remodelação do XXI Governo Constitucional. Marta Temido sucede a Adalberto Campos Fernandes como ministra da Saúde, Pedro Siza Vieira substitui Manuel Caldeira Cabral na Economia e Graça Fonseca foi a escolhida para assumir a pasta da Cultura, em detrimento de Luís Filipe Castro Mendes. Estas alterações ministeriais acontecem na sequência da exoneração de Azeredo Lopes do cargo de ministro da Defesa, na última sexta-feira, com João Gomes Cravinho a assumir o cargo. O primeiro-ministro revela – em nota comunicada no Portal do Governo – que espera que as mudanças no executivo tragam uma dinâmica renovada à execução do programa do governo…

  • Atualidade

    Mais de 540 fogos registados desde 1 de outubro

    [wpupg-grid][wpupg-grid]A Autoridade Nacional de Proteção Civil (ANPC) registou mais de 540 fogos desde o início de outubro. A ausência de chuva e as temperaturas altas para a época vão continuar e contribuem para o risco de incêndio. Entre 1 de outubro e esta sexta-feira foram registados 543 fogos. Segundo o comandante Pedro Nunes da ANPC, este número é preocupante. “Diria que este número nos causa alguma apreensão, porque quando olhamos para o período homólogo dos últimos dez anos, não temos registo de um número tão grande de ignições”, afirmou. Sexta-feira foi um dia “relativamente calmo”, garantiu o comandante operacional à agência Lusa durante um “briefing” sobre a situação dos incêndios…

  • Atualidade

    Avaria na linha de emergência do 112: noite atribulada no INEM

    [wpupg-grid]Uma avaria na central elétrica condicionou o funcionamento dos Centros de Orientação de Doentes Urgentes (CODU). Através de um comunicado à Agência Lusa, na manhã desta quinta-feira, o INEM esclareceu que o alerta da avaria foi dado às 23h20 de quarta-feira e de imediato foi ativado o plano de contingência da linha de emergência do 112. O Instituto Nacional de Emergência Médica deu o alerta da avaria na central elétrica pelas 23h20 que, de imediato, foi comunicado à empresa responsável pela manutenção da referida central. O INEM ativou o plano de contingência da linha de emergência do 112 e afirmou que estavam a ser “desenvolvidos todos os esforços no sentido…

  • Grande Reportagem

    A Vida Depois da Reforma

    Sessenta anos e quatro meses é a idade normal de pedido de isenção estabelecida pelo Estado português para 2018. Após a aprovação da candidatura, chega todos os meses uma pensão e há tempo de sobra. É o momento de tomar um novo rumo. O que fica depois de anos de trabalho e o que há para fazer? Acorda todos os dias mais cedo do que no período em que trabalhava. Às 8h, Rosa Azevedo, já está no hospital de Santo António, no Porto, para entregar o pequeno-almoço aos doentes que vão às consultas. Além deste serviço, Rosa, de 73 anos, também dá auxílio nas urgências e na ala oncológica. Entrou…

  • Atualidade

    Sócrates abandona o PS

    Caso de Manuel Pinho levou a uma discussão no partido, o que forçou uma tomada de posição do antigo Primeiro Ministro. Notáveis do PS estão divididos.  António Costa diz-se surpreendido. José Sócrates anunciou num artigo de opinião publicado no Jornal de Notícias que vai abandonar o PS. A decisão acontece após vários militantes socialistas, terem quebrado o silêncio e considerado uma “vergonha” e uma “desonra” as suspeitas que recaem sobre o ex-primeiro-ministro e sobre Manuel Pinho, ex-ministro da Economia, que é suspeito de receber um vencimento privado com origem no GES (Grupo Espírito Santos) enquanto desempenhava as funções de ministro no governo socialista. O ex-primeiro ministro defende Pinho considerando-o um…

  • Atualidade

    Previsões mais positivas para o crescimento da economia portuguesa

    A comissão europeia aponta para a melhoria do crescimento da economia portuguesa. As previsões de primavera divulgadas na manhã desta quinta-feira apontaram ainda assim para uma desaceleração do défice no próximo ano, com valores que se estimam ser superiores aos de Mário Centeno. A comissão europeia divulgou hoje as previsões atualizadas em relação às transmitidas no inverno. As diferenças apontam para uma melhoria do crescimento da economia de 2,2% para 2,3% este ano e de 1,9% para 2% em 2019. É uma revisão em alta da economia portuguesa apesar, de a comissão europeia estar menos otimista do que o governo. Este crescimento previsto deve-se ao aumento das exportações e do…

  • Atualidade

    Negligência da EDP pode estar na origem de um dos maiores fogos de 2017

    O fogo da Lousã, em outubro de 2017, teve causa negligente e a origem pode resultar do não cumprimento pela EDP do regulamento de segurança das linhas elétricas, segundo o relatório técnico entregue esta terça-feira, no parlamento. Um dos documentos do relatório da Comissão Técnica Independente – que tem como fonte o Sistema de Gestão de Informação de Incêndios Florestais do Instituto da Conservação da Natureza e Florestas (ICNF) – afirma que a causa do fogo que começou a 15 de outubro na Lousã, e se alastrou a nove concelhos, é negligente e tem como origem as linhas elétricas. “A ignição com origem nas linhas elétricas, neste caso particular em…

  • Atualidade

    Limpeza dos terrenos florestais: governo adia coimas até junho

    O governo adiou o prazo para aplicação de coimas na limpeza das florestas até junho. O prazo foi alargado em comunicado à imprensa realizado esta quinta-feira pelas nove e meia da manhã por António Costa. Esta quinta-feira o primeiro-ministro, António Costa, aprovou um decreto-lei que consagra o alargamento do prazo para a limpeza das florestas em Portugal. A medida foi tomada pelo governo, que estabeleceu coimas para os proprietários que até 15 de março não fizessem a devida limpeza, coimas que variam entre 280 e 120.000 euros. O alargamento já tinha sido pedido pelo Presidente da República, que manifestou a intenção de que o prazo fosse alargado devido ao mau…