• Atualidade

    Jorge Simões renuncia à presidência do Conselho Nacional de Saúde

    O marido da nova ministra da Saúde demitiu-se esta sexta-feira do cargo de presidente do Conselho Nacional de Saúde. Jorge Simões invocou “motivos pessoais” para a decisão. A decisão foi revelada à agência Lusa. Jorge Simões, marido da atual ministra da Saúde, Marta Tremido, renunciou o cargo de presidente do Conselho Nacional de Saúde (CNS). No entanto, este referiu à mesma agência que a sua decisão final iria ser comunicada primeiramente aos membros do organismo, numa reunião que irá tomar lugar na próxima semana. Segundo o Serviço Nacional de Saúde, o Conselho Nacional de Saúde é um órgão consultivo do Governo, mas independente. É composto por 30 membros, nos quais…

  • Atualidade

    Costa demite-se se o Orçamento de Estado não for aprovado

    Primeiro-Ministro garante que sem o orçamento de 2019 não tem condições para se manter no cargo e coloca pressão sobre a esquerda. Líder Socialista aproveitou para elogiar geringonça e garante que acordo  é para manter negando a vontade de um bloco central com o PSD. Para António Costa “equipa que ganha não se mexe”, o primeiro-ministro aproveitou o uso de uma fórmula do vernáculo futebolístico para garantir que o acordo à esquerda é essencial, segundo o mesmo, para o “sucesso do país”. Numa entrevista ao Diário de Notícias, o líder do partido Socialista indicou que sem a aprovação do orçamento de estado de 2019 não há condições para continuar à…

  • Atualidade

    Marcelo Rebelo de Sousa apela ao “bom senso” quanto ao Orçamento de Estado

    O Presidente da República coloca a hipótese de eleições antecipadas se o Orçamento de Estado não for aprovado. Numa entrevista ao Público afirmou que o orçamento “é fundamental para o país”. As negociações do Orçamento de Estado para 2019 decorrem e Marcelo Rebelo de Sousa diz que este tem de ser aprovado. Esta negociação é “mais complexa”, mas a prioridade de Marcelo é que a legislatura seja cumprida. A aprovação deste Orçamento pode vir tanto da esquerda como do PSD. Este último caso o Presidente não comenta, mas deixa uma oportunidade para o líder do PSD responder. O próximo ano é de eleições e a falta de um orçamento obrigaria…

  • Atualidade

    Alterações na Lei dos contratos de arrendamento

    Novas medidas sobre habitação devem ser aprovadas esta quinta-feira em Conselho de Ministros. As medidas terão ainda de ser discutidas na Assembleia da República. O primeiro-ministro, António Costa, anunciou na passada segunda-feira a decisão de alterar as leis que regem o setor do mercado de arrendamento de habitações. A decisão foi anunciada e tem vindo a ser discutida em Conselho de Ministros mas pode ser aprovada já esta quinta-feira. A nova lei vem em sequência de mais de metade dos contratos de arrendamento serem de apenas de um ano e da situação precária de mais de 600 mil inquilinos em Portugal. A recente procura elevada de casas em Portugal, sobretudo…

  • Atualidade

    Governo acaba com corte de 5% nos salários dos gabinetes políticos

    O corte de 5% nos salários dos gabinetes políticos vai ser restituído. A medida tomada pelo governo e enunciada esta quinta-feira num decreto-lei de execução orçamental terá efeitos desde 1 de janeiro, mas só será totalmente aplicada no fim de 2019. Desde 2010, altura de intervenção da troika, que os funcionários dos gabinetes políticos (gabinetes de apoio do Presidente da República, Governo, Assembleia da República e autarquias) recebem menos 5% de salário, um montante que o governo se prepara para devolver. A medida foi divulgada esta quinta-feira, através da versão preliminar do decreto-lei a que o jornal Público teve acesso. O documento prevê a reposição gradual dos salários, que terá…

  • Atualidade

    Cuba inicia processo para eleger sucessor de Raúl Castro

    A Assembleia Nacional de Cuba iniciou esta quarta-feira uma sessão de dois dias para eleger o novo presidente da ilha. Uma transição histórica, depois de 60 anos de o poder estar nas mãos dos irmãos Castro. Aos 86 anos, Raúl Castro, sucessor do irmão (Fidel) na presidência, vai retirar-se e será substituído por um representante da nova geração. Tudo indica que o vice-presidente Miguel Díaz-Canel – número dois do governo desde 2013 – será o eleito. Inicialmente programada para a quinta-feira, dia 19, a sessão plenária de posse da nova Assembleia – cujos 605 deputados foram eleitos em março – começou já esta quarta-feira. O encontro acontece a portas fechadas…

  • Atualidade

    Limpeza dos terrenos florestais: governo adia coimas até junho

    O governo adiou o prazo para aplicação de coimas na limpeza das florestas até junho. O prazo foi alargado em comunicado à imprensa realizado esta quinta-feira pelas nove e meia da manhã por António Costa. Esta quinta-feira o primeiro-ministro, António Costa, aprovou um decreto-lei que consagra o alargamento do prazo para a limpeza das florestas em Portugal. A medida foi tomada pelo governo, que estabeleceu coimas para os proprietários que até 15 de março não fizessem a devida limpeza, coimas que variam entre 280 e 120.000 euros. O alargamento já tinha sido pedido pelo Presidente da República, que manifestou a intenção de que o prazo fosse alargado devido ao mau…

  • Opinião

    A 4 Mãos: Enquanto a torneira não se fechar, ‘tá-se bem

    Marcos Melo (MM): Portugal está em seca e a água escasseia. O cenário é dramático. Segundo dados do IPMA de 15 de novembro, 6% do território continental encontra-se em seca severa e 94% em seca extrema. A falta de chuva resulta em falta de água, uma realidade inquietante que, nas palavras do presidente da Câmara Municipal de Mértola, se traduz num estado de calamidade. Em entrevista ao Telejornal da RTP, o Ministro do Ambiente, Matos Fernandes, disse que “os portugueses [só ainda] não se aperceberam [das consequências da seca] porque a água está nas torneiras”. É uma afirmação um tanto ou quanto polémica, mas certeira. Enquanto a água continuar a…

  • Opinião

    O drama da couve

     Gente que é gente preocupa-se com coisas insignificantes. Nem se trata de ser português ou não: toda a gente tem um tema fetiche insignificante com o qual se preocupar. Irrita-me, por exemplo, pessoas que não se lembrem de coisas que aconteceram há pouco tempo, e irritam me erros ortográficos, mas isso não tem muito a ver com aquilo que vou abordar. De qualquer maneira, parece que se arranja sempre qualquer coisa de estúpido com o qual se faz uma tempestade num shot de água, mesmo que haja coisas muito mais importantes em que se pensar. É o que dá ter-se o costume de não se pensar em nada de jeito.…

  • Atualidade

    Emitido mandado europeu de detenção contra Puigdemont

    Esta quinta-feira o Ministério Público espanhol pediu à Audiência Nacional a emissão de um mandado de captura internacional contra o ex-presidente da Catalunha, Carles Puigdemont, e mais quatro membros do Governo catalão que o acompanham em Bruxelas. Tudo começou quando no passado sábado, dia 30 de outubro, o executivo de Mariano Rajoy anunciou a dissolução do parlamento regional, a destituição de todo o governo catalão e a realização de eleições para 21 de dezembro. Após estas declarações, Puigdemont viajou para a Bélgica na passada segunda-feira. O líder da Generalitat afirmou não ter ido em busca de asilo político. Foi para “levar o problema catalão ao coração da Europa” e promover…