• Desporto

    A inacreditável história de superação de Jamie Vardy

    Existem histórias que são dignas de filmes de Hollywood e esta é uma dessas. A história do atacante inglês Jamie Vardy, que chegou aos palcos mais ilustres de Inglaterra e do mundo, começando por ganhar 30 libras por semana e por ter estado preso. Acompanhem-me nesta incrível história de superação, de muitas dificuldades e de enormes sacrifícios deste grande jogador. Quem é Jamie Vardy? Jamie Richard Vardy nasceu no dia 11 de janeiro de 1987 (34 anos), em Sheffield. O avançado internacional inglês, atualmente, defende as cores do Leicester City, clube da Premier League. Mas, afinal, como é que este magnífico jogador chegou até onde está neste momento? Vamos descobrir.…

  • Opinião

    Sentido da vida?

    Estou perto da respostaÀ pergunta de que ninguém gosta.Talvez seja o primeiro a descobrirE o último a fazer por existir. Não concordo com a ideia de viver intensamente,Peço a Chaplin que me perdoe.Prefiro viver normalmente,Esperando que a banalidade me magoe. Alan Watts que por mim viva,Se o sentido da vida assim o for;Se não for, alguém que digaE me ensine a lidar com a dor. A pergunta pode parecer simples,Mas não sei o que tenho eu vivido.Mentir-vos-ei com esta resposta:A vida tem todo o sentido. Por Diogo Sardinha Fotografia de Miguel Melo

  • 7ª Arte

    O regresso de “As Bruxas de Roald Dahl”

    “The Witches” ou “As Bruxas” estreou há quase um mês, no dia 29 de outubro, e ainda se encontra nos cinemas. É a adaptação do livro de Roald Dahl que dá nome ao filme, mas com um toque mais humorístico e juvenil proveniente do próprio realizador Robert Zemeckis. Este filme conta com a presença de Anne Hathaway e Octavia Spencer como estrelas principais. (Poderá conter spoilers – 2 parágrafos seguintes) A história é contada através de uma retrospeção, onde o nosso protagonista, uma criança órfã, conta a experiência de como foi mudar-se para a casa da sua avó e viver aventuras, digamos, mágicas. Por entre eventos e peripécias, este acaba…

  • 7ª Arte

    “Os 7 de Chicago”: Um retrato do passado para os dias de hoje

    De uma maneira muito superficial, Os 7 de Chicago pode ser descrito apenas como um filme que denuncia as corruptas instituições norte-americanas no ano de 1968. Isto porque retrata a história do julgamento enviesado de sete homens ditos responsáveis por um grande protesto a favor do fim da Guerra do Vietname em Chicago, que acabou com confrontos diretos com a polícia, alguns mortos e muitos gravemente feridos. Entretanto, esta visão simplista e tradicional tira toda a profundidade da produção escrita e dirigida por Aaron Sorkin. O filme recente da Netflix, que possui uma pontuação de 7,9 no IMDb, proporciona ao espetador uma experiência sensorial completa, explorando desde a frustração até…

  • 7ª Arte

    “All the Bright Places”: muito mais do que uma história de amor

    Dirigido por Brett Haley e baseado no romance de mesmo nome de Jennifer Niven, “All the Bright Places” conta com Elle Fanning e Justice Smith como atores principais, tendo estes tido uma interpretação brilhante. Chegou à Netflix dia 28 de fevereiro de 2020 e não deixou ninguém indiferente. Com uma trama que transcende o típico filme romântico, conta-nos muito mais do que a história de amor de Violet e Theodore Finch. A história desenrola-se em Bartlett, Indiana, local onde residem os dois adolescentes. Violet e Finch não se conhecem em circunstâncias normais: numa gélida manhã, onde ambos quase cometem uma fatalidade. Ao fazerem par num trabalho escolar, visitam os locais…

  • 7ª Arte

    “LEVIANO”: Um filme que encanta a vista, mas que não enche o coração

    Visualmente falando, “Leviano” é um trabalho notável. No que à banda sonora diz respeito, esta é dotada de um bom gosto tremendo. Já no que toca ao conteúdo, é demasiado oco. A primeira longa-metragem do realizador Justin Amorim convida-nos a mergulhar na problemática da história da família Paixão – composta pela mãe Anita (Anabela Teixeira) e pelas suas filhas Adelaide (Diana Marquês Gomes), Júlia (Mikaela Lupu) e Carolina (Alba Baptista). «Não vais vestir preto?» é a primeira frase que ouvimos em “Leviano” e aquela que mais informação revela. Ainda que de forma inconsciente, associamos a cor preta à ideia de morte ou de tragédia. E, de facto, acertamos na muche.…

  • 7ª Arte

    “Playtime”: O avanço das máquinas

    Monstruoso filme de Jacques Tati numa Paris domada pelas máquinas, humanas ou menos humanas. Há sempre uma vontade de voltar aos clássicos. O leitor que nos absolva de qualquer declaração de saudosismo que a intenção é sempre a de celebrar o cinema e não a de recorrer ao chavão de “que o que era antes é que era realmente bom”. No entanto, é também por essa intenção que Playtime faz sentido. Pasme-se: um filme antigo que é incrivelmente atual e que aborda a tecnologia que domina a sociedade contemporânea, mas Jacques Tati já tinha explorado em O Meu tio (1958) a exuberância plástica da tecnologia. Como esquecer a casa da…

  • Artes Visuais e Performativas

    Pé D’Orelha – Conversas entre Bordalo e Querubim

    Numa simples “casa portuguesa”, datada de 1913, escondida no meio de Lisboa, encontramos o Museu Bordalo Pinheiro. Neste museu podemos encontrar as mais emblemáticas obras do artista português, incluindo o Zé Povinho.  Na sala de exposições temporárias está montada a exposição “Pé D’ Orelha – Conversas entre Bordalo e Querubim”. A exposição conta com obras de Querubim Lapa, um artista que nunca esteve em contacto com Rafael Bordalo Pinheiro, mas que apresenta diversas influências nas suas obras. As obras dos artistas encontram-se misturadas, o que proporciona ao visitante uma sensação de semelhança entre os mesmos. A exposição está dividida em sete temáticas, começando nas heranças e terminando no erotismo, diversificando…

  • Desporto

    ARTIGO DE OPINIÃO: O CRESCIMENTO DAS MODALIDADES EM PORTUGAL

    Durante vários anos, o Futebol – também conhecido como o “desporto-rei” – é o desporto mais importante de Portugal. Ora, apesar da sua hegemonia, as outras modalidades estão em crescimento nos últimos anos! A maior conquista do desporto português nos últimos anos foi o triunfo de Portugal no Campeonato Europeu de Futebol 2016, sem dúvida. Admito. Não te quero perder, leitor. Garanto-te que vai melhorar a partir deste momento. Não vou continuar a falar de futebol neste artigo. Bem, passando agora ao crescimento das modalidades em Portugal. O país sempre teve um gosto especial pelo futsal (muito semelhante àquele desporto cujo nome não mencionarei) e pelo hóquei em patins. Aliás,…

  • Opinião

    Mentir-me-ei

    Artigo por Diogo Sardinha Nada sinto ou sentirei demais?Procuro na névoa por ti, Imploro a Deus por sinais,Mas este não quer saber de mim. Escrevo no papel o que não sinto,Porque se o contrário fizesse Pensarias que te mintoE não acreditarias no que dissesse. Largarei então a caneta,Rasgarei este papel, Se não acreditas no que digoTalvez seja a mim a quem minto. Artigo revisto por Ana Cardoso