• Atualidade

    Morreu António Arnaut, fundador do Serviço Nacional de Saúde

    António Arnaut morreu esta segunda-feira aos 82 anos. Várias figuras da política nacional relembram-no e elogiam a pessoa que foi. António Arnaut morreu nos hospitais da Universidade de Coimbra onde estava internado. Desde há duas semanas que se ausentava de compromissos devido à degradação do seu estado de saúde. Arnaut foi Ministro dos Assuntos Sociais no II Governo Constitucional liderado por Mário Soares, que tomou posse em 1978. Nessa altura escreveu a lei que fundou o Serviço Nacional de Saúde e, por isso, é considerado o “pai” deste serviço. António Costa recorda o também histórico socialista e co-fundador do PS como “um militante dedicado” e afirma “honrou-nos como deputado à…

  • Atualidade

    Requalificação da Antiga Feira Popular de Lisboa vai custar 800 milhões de euros

    O projeto vai criar mais de 15 mil postos de trabalho O presidente da Câmara Municipal de Lisboa, Fernando Medina (PS), apresentou hoje o projeto da Operação Integrada de Entrecampos, que vai custar cerca de 800 milhões de euros – apenas 100 milhões serão pagos pela Câmara de Lisboa. Fernando Medina considera que esta “é das maiores operações urbanísticas que a cidade de Lisboa conheceu nas últimas décadas”. Falando aos jornalistas num périplo pelos vários locais que compõem esta empreitada, o autarca avançou que os vários espaços de escritórios que estão previstos edificar vão permitir a criação de “15 mil novos empregos” na cidade. “O nosso objetivo é resolver vários…

  • Atualidade

    Mudança de género aos 16 anos vetada pelo Presidente da República

    O Presidente da República votou a mudança de género aos 16 anos. O diploma, já aprovado pela Assembleia da República no dia 13 de abril, consagra o direito à autodeterminação da identidade e da expressão de género. A decisão foi comunicada através de uma nota publicada no portal da Presidência da República, na Internet, na noite da passada quarta-feira. A decisão do Presidente da República foi de devolver, sem promulgação, o diploma à Assembleia da República. A proposta vetada, do Governo e de projetos do BE e PAN, permitia a mudança de género e nome próprio no registo civil a partir dos 16 anos, mediante requerimento e sem necessidade de…

  • Atualidade

    Sócrates abandona o PS

    Caso de Manuel Pinho levou a uma discussão no partido, o que forçou uma tomada de posição do antigo Primeiro Ministro. Notáveis do PS estão divididos.  António Costa diz-se surpreendido. José Sócrates anunciou num artigo de opinião publicado no Jornal de Notícias que vai abandonar o PS. A decisão acontece após vários militantes socialistas, terem quebrado o silêncio e considerado uma “vergonha” e uma “desonra” as suspeitas que recaem sobre o ex-primeiro-ministro e sobre Manuel Pinho, ex-ministro da Economia, que é suspeito de receber um vencimento privado com origem no GES (Grupo Espírito Santos) enquanto desempenhava as funções de ministro no governo socialista. O ex-primeiro ministro defende Pinho considerando-o um…

  • Atualidade

    Previsto aumento do salário mínimo para 2019

    António Costa lembra que o Governo aumentou o salário mínimo nos últimos três anos e promete que em 2019 voltará a ser aumentado   No final do 45º jantar de aniversário do Partido Socialista, desta vez ocorrido em Almada, o secretário-geral do PS, António Costa, anunciou que o salário mínimo voltará a ser aumentado em 2019, como tem acontecido nos últimos anos: “A verdade é que aumentámos o salário mínimo em 2016, em 2017, este ano – e ficam já a saber que voltaremos a aumentá-lo em 2019”. Costa considerou que o governo derrubou o mito de que a competitividade económica se faz com baixos salários e também que teve…

  • Atualidade

    Programa de Estabilidade cria tensão na geringonça

    Em causa está a meta do défice de 0,7% para 2018 defendida pelo governo. Bloco de Esquerda pretende o défice nos 1,1% e quer o reforço do investimento público. Documento é debatido a 24 de abril na Assembleia da República. A intenção do ministro das finanças, Mário Centeno, em cumprir as metas orçamentais exigidas pela Comissão Europeia, presentes no tratado orçamental (que o BE e o PCP sempre recusaram, mas com que o PS se comprometeu) gerou um claro desconforto na maioria parlamentar de esquerda que suporta o executivo de António Costa. Em causa está a regra que implica uma redução anual no défice de 0,25% do PIB (produto interno…

  • Atualidade

    PS, PDS e CDS chumbam o pagamento das horas extra

    Na passada sexta-feira, os três projetos de lei apresentados pelo Bloco de Esquerda, PCP e PAN para a reposição dos valores de pagamento do trabalho suplementar e do tempo de descanso compensatório foram chumbados pelo PS e pelos partidos de direita no Parlamento. Os projetos de lei em causa referem-se à revisão de 2012 do Código do Trabalho feita pelo Governo anterior, na qual o pagamento do trabalho suplementar foi reduzido para metade. Antes da votação, Carla Barros (PDS), António Carlos Monteiro (CDS) e Carla Tavares (PS) demonstraram, no debate, a intenção de votar contra as propostas, o que se refletiu na votação. A deputada do PS não votou no…

  • Opinião

    O drama da couve

     Gente que é gente preocupa-se com coisas insignificantes. Nem se trata de ser português ou não: toda a gente tem um tema fetiche insignificante com o qual se preocupar. Irrita-me, por exemplo, pessoas que não se lembrem de coisas que aconteceram há pouco tempo, e irritam me erros ortográficos, mas isso não tem muito a ver com aquilo que vou abordar. De qualquer maneira, parece que se arranja sempre qualquer coisa de estúpido com o qual se faz uma tempestade num shot de água, mesmo que haja coisas muito mais importantes em que se pensar. É o que dá ter-se o costume de não se pensar em nada de jeito.…

  • Atualidade

    Medina vence autárquicas em Lisboa

     Fernando Medina, candidato do Partido Socialista, foi eleito Presidente da Câmara Municipal de Lisboa este domingo com 42.02% dos votos. Esta foi a quarta vez consecutiva que o PS ganhou a Câmara Municipal de Lisboa, com uma primeira candidatura de Fernando Medina, depois de este ter assumido a presidência da autarquia a 6 de abril de 2015, após a interrupção do mandato por António Costa para ocupar a liderança do governo. O PS perdeu assim a maioria absoluta que havia conquistado em 2013 com António Costa, com 50,91% dos votos, e elege para a Câmara Municipal apenas 8 vereadores em vez dos anteriores 11. No final da noite, Fernando Medina…

  • Atualidade

    Autárquicas 2017: candidatos

    Num domingo marcado pelas eleições autárquicas, a ESCS MAGAZINE apresenta-te os principais candidatos à Câmara de Lisboa. PSD Teresa Leal Coelho Vice-presidente do PSD desde 2012, Teresa Leal Coelho foi o nome mais esperado para ocupar o lugar de cabeça de cartaz das autárquicas de 2017 para a Câmara Municipal de Lisboa, tendo sido apresentada como candidata do Partido Social-Democrata a 19 de julho, com o lema “Por uma Senhora Lisboa”. O seu manifesto defende uma Lisboa que agrade tanto aos locais como aos turistas. Reconhece a importância do turismo na economia, mas também alerta para a melhoria das condições nas áreas da habitação, transportes e trabalho. No site da…