• Made In ESCS,  Secções

    Da Comunicação à Música é só um Pulinho

    Comunicação e música. Como conseguem dois conceitos tão distintos tornar-se incrivelmente unidos e indissociáveis? A escstunis, em parceria com a ESCS MAGAZINE, procurou responder a esta questão no passado dia 14 de dezembro, numa conversa incluída na celebração do vigésimo segundo aniversário da tuna da Escola Superior de Comunicação Social. Um painel composto por quatro oradores com um passado (e presente) escsiano que se aventuraram pelo mundo da música; rapidamente estabeleceu-se uma analogia entre a música e a comunicação. O gosto por esta expressão artística começou antes da passagem para o ensino superior, contudo, quis o destino que entrassem para o mundo da comunicação social. Foi, para a generalidade, um…

  • Made In ESCS,  Secções

    A Receita da Liderança

    Liderança: a arte de comandar pessoas atrair seguidores e influenciar positivamente mentalidades e comportamentos, dizem os especialistas. No seminário O Desenvolvimento de Lideranças Fortes: A Comunicação como Eixo Central, este e outros mitos foram esquecidos – e muitas janelas abertas. [cycloneslider id=”escs”] “A comunicação e a liderança são questões altamente pertinentes no nosso quotidiano e imperativas no séc. XXI” – esta frase de Sandra Miranda,diretora do Mestrado em Publicidade e Marketing, introduziu o discurso da “receita da liderança” de Luís Filipe Costa, diretor de Marketing do Santander Totta. “Na era da globalização, tudo tem tendência para se igualar, exceto as pessoas”, afirmou Luís Filipe Costa, invocando uma citação de Bertrand Russell: “As pessoas têm…

  • Opinião,  Secções

    Comunicação estratégica

    De que falamos quando abordamos a temática da comunicação estratégica? Quais as diferenças entre objectivo, estratégica e táctica? Não são raras as situações em que estes conceitos são empregues erradamente, pelo que se torna necessário esclarecer algumas ideias enraizadas na gíria dos profissionais da comunicação. Objectivo O objectivo é uma intenção explicitada por um verbo (exemplos: alcançar, aumentar, duplicar, reduzir, etc.). Basicamente, diz respeito a uma meta que se pretende alcançar. Quando se formula um objectivo, é imperativo considerar os seguintes pontos, uma vez que só assim conseguiremos aferir se o mesmo foi ou não cumprido: ser mensurável: o objectivo tem de ser quantificado (exemplo: “duplicar o número de gostos…

  • Made In ESCS,  Secções

    «Vamos competir contra monstros. E fomos»

    A chave para o sucesso é o que está para lá do óbvio. Fora do esperado, à frente do ortodoxo, quatro caloiros de Publicidade e Marketing ganham o título de Jovens Líderes do Futuro 2015. Para trás ficam os cursos de gestão e ciências empresariais das grandes universidades (públicas e privadas). Viva o politécnico? A quem se pode atribuir o sucesso? O que faz de Hugo Veiga o melhor publicitário do mundo? Será que a chave está na formação dada pela Escola Superior de Comunicação Social (ESCS) ou, pelo contrário, o segredo reside no poder que esta escola tem de atrair pessoas singulares? Isto não é uma entrevista normal, em…

  • Opinião,  Secções

    Silêncio

    Quem me conhece sabe bem que não sou facilmente acabrunhado. Os meus demónios estão à vista de todos. Muitas vezes sou eu mesmo que os exponho: torna-se mais confortável para mim fazê-lo. Que raio de paradoxo é esse?, perguntam vocês, e bem. É, à partida, estranho como um tipo que sofre de ansiedade social fala ao desbarato e comunica com toda a gente. Diz-nos o cinema que eu deveria ser o contrário – um tipo taciturno e cabisbaixo que não fala com ninguém e que fica em casa trancado enquanto faz obscenidades dentro da privacidade das suas quatro paredes. Não nego que alguns destes traços sejam visíveis na minha pessoa,…

  • Opinião,  Secções

    Blackout criativo

    Por estes dias, a poluição visual em Portugal atinge valores máximos. Os culpados são os suspeitos do costume: os políticos. De norte a sul do país, não há uma única localidade (nem mesmo o lugarejo serrano habitualmente esquecido pela civilização) que escape à infestação de outdoors e de cartazes alusivos às eleições legislativas. Por incrível que pareça, as campanhas eleitorais estagnaram no tempo. Os políticos comunicam hoje como comunicavam há décadas atrás. Numa era em que a comunicação é omnipresente, as agências concebem campanhas que ficam aquém das expectativas. O porquê é incógnito (essa discussão daria pano para mangas). Contudo, culpados à parte, uma coisa é certa: a criatividade não…

  • Informação

    1 em cada 3 portugueses não pode ler este artigo

    O número é impressionante: em cada três portugueses há um que não tem acesso à internet. Esta conclusão faz parte do estudo “Públicos e Consumos de Media” promovido pela Entidade Reguladora da Comunicação Social (ERC) e divulgado esta terça-feira. A televisão continua a ser o meio de comunicação a que os portugueses mais se ligam quando querem saber de notícias. Cerca de 65% dos portugueses afirma usar a televisão como fonte principal para se actualizarem sobre os principais acontecimentos. Em segundo lugar seguem os jornais escritos, e em terceiro surge pela primeira vez um meio digital, as redes sociais. Os portugueses seguem cada vez mais a informação através dos links…

  • Opinião

    Uma coisa de cada vez

    Século XXI, aldeia global, era do progresso tecnológico e da teórica universalização dos meios de comunicação. No nosso dia-a-dia somos bombardeados com camiões de informação, cargas e descargas consecutivas para dentro da nossa mente. Esfolheamos o jornal pela manhã enquanto tomamos o pequeno almoço. Morreram mais umas tantas pessoas num daqueles países onde tem morrido muita gente. Descemos apressadamente os ingremes degraus até à saída do prédio, cruzamo-nos com a vizinha que balboceia uns tantos fonemas sobre dores nas costas. Apenas ouvimos uma parte. Já no comboio, lembramo-nos de que nem desejámos as melhoras. Ninguém há de ter notado. Entra-nos pelos ouvidos uma conversa sobre o mau comportamento do “filho”,…

  • Artes Visuais e Performativas

    A fotografia fácil

    Em Outubro de 2010 uma revolução aconteceu, não para o Ocidente, não para a humanidade, mas sim para a arte fotográfica. O “Instagram” nasce e, hoje, com mais de 300 milhões de utilizadores, foi o único instrumento criado que gerou a democratização da fotografia com que nos deparamos. O nome é uma mescla de “Instant camera” (câmara instantânea) e “telegram” (telegrama). O objectivo é simples: através de um smartphone, captar um momento e postá-lo, imediatamente, na Internet. Mais de 60 mil imagens são postadas por dia e uma nova profissão nasceu: “instagramer”. Mas, afinal, que fenómeno é este? Tendo em conta que é uma rede social apenas de fotografias, hoje,…

  • Música

    Música e Comunicação: Canções de Intervenção

    Tal como o Inglês, a música é uma língua universal. Mesmo que cantada em Francês, Italiano ou Português, todos nós sabemos dizer se ela é triste ou alegre. E, sendo uma língua universal, a música serve também de meio de comunicação, através do qual transmitimos o que nos vai na alma. O quarto mês do ano chegou e, como tal, não podia deixar de juntar o útil ao agradável: a música ao mês de Abril. Acho que estão a perceber onde quero chegar. Se a música serve para comunicar, também serve para denunciar e, portanto, chegou a altura de falar da música enquanto voz, enquanto música de intervenção. Foi nas…