• Atualidade,  Informação

    Fuga de Informação – Planos do cérebro dos atentados de Paris

    Abdelhamid Abaaoud, o cérebro dos atentados a Paris, planeava mais ataques a judeus, escolas e transportes de França, tendo em conta uma testemunha anónima. Uma fuga de informação na investigação relativamente aos atentados de Paris divulgou, no dia 27 de Novembro de 2015, vários planos que Abdelhamid tinha para executar em França. A revista semanal francesa Valeurs Actuelles conseguiu aceder ao depoimento de uma testemunha anónima. Testemunha essa que convivia com o cérebro dos ataques a Paris, no qual morreram 130 pessoas. Segundo o depoimento, Adbelhamid pediu à sua prima Hasna Ait Boulahcen, dois dias depois dos atentados, para se esconder e preparar novos ataques O plano consistia em oferecer…

  • Atualidade,  Informação

    Bélgica sob ameaça de ataques terroristas

    Militares belgas patrulham a cidade. Fonte: Yves Herman/Reuters De acordo com o gabinete do Ministério do Interior belga, o país pode estar sob uma “ameaça iminente” que requer medidas de segurança apropriadas. Enquanto o mundo ainda está de luto por causa dos atentados que aconteceram na capital francesa, há uma semana, os ataques terroristas não pararam. Num curto espaço, o hotel Radisson Blu no Mali foi vítima de uma tomada de posse por parte da organização Al-Mourabitoun; o Iêmen foi vítima de um ataque-suicida que provocou a morte de mais 13 civis; na última terça-feira, a Nigéria sentiu o medo do Boko Haram, que, numa explosão, causou cerca de 31…

  • Opinião,  Secções

    Olho por olho e dente por dente?

    “Cabe a Deus perdoar os terroristas, mandá-los até Ele cabe-me a mim”. Esta frase foi falsamente creditada a Vladimir Putin. A pivot responsável logo admitiu que retirou a citação do Facebook e pediu desculpa por não ter verificado a veracidade do que anunciou como “notícia”. No entanto, não deixa de ser uma boa frase para ponderar o que pode ou vai ser feito daqui para a frente. Existe, obviamente, uma relação de proximidade natural no que toca a sentimentos de vingança. Dias antes dos atentados em Paris morreram 40 pessoas no Líbano à conta de um ataque reivindicado pelo Estado Islâmico (EI). Na Europa não houve silêncio. Mas, se pensarmos…

  • Opinião,  Secções

    As pequenas coisas inexplicáveis

    Estou a escrever-vos algures entre Coimbra e Celorico da Beira. Não posso precisar o lugar porque o comboio continua a andar e eu a escrever. Passou mais um mês e, por isso, estou de regresso a casa. (Quando lerem isto estou a regressar a Lisboa, mas isso não importa). Há uns dias, Paris foi alvo de vários atentados terroristas. Sempre que há um atentado há também uma parte de mim que treme. Em 2001, vi as notícias do atentado às Torres Gémeas sentada no chão da sala, rodeada de bonecas, com a minha bisavó em choque. Como é que se explica aquilo a uma miúda que ainda não tem sete…

  • Opinião,  Secções

    Carnificina “Parisiense”

    “Uma simples rotina para o EI, uma horrenda carnificina para a Humanidade.” Hoje é dia 14 de Novembro de 2015. Podia ser um dia normal e rotineiro como os outros, mas não… é um dia de profunda tristeza e ódio pelos que assassinam cidadãos inocentes apenas por prazer. É certo e sabido que o atentado de ontem, que vitimou mais de 128 pessoas e feriu outras 350, será recordado como um dos piores a ocorrer na Europa desde a Segunda Guerra Mundial. Quando todos pensamos que o Estado Islâmico e os seus militares jihadistas estão “adormecidos”, ou derrotados, é quando eles executam as suas missões horrendas de espalhar sofrimento, dor,…

  • Atualidade,  Informação

    França acusada de combater e apoiar o terrorismo

    O Presidente da Síria considera-se um defensor do antiterrorismo e acusa França de ter duas faces diferentes relativamente ao terrorismo. A França foi formalmente acusada pelo Presidente sírio, Bashar al-Assad, de preservar uma “amizade” com a Arábia Saudita e com o Qatar. Desta forma, prevalece as duas faces da França ao apoiar e combater o terrorismo por parte dos jihadistas. Todas estas declarações têm como fonte uma entrevista concebida ao seminário francês Valeurs Actuelles, no sábado, mas apenas divulgada ontem, 19 de Novembro de 2015. Segundo o Presidente sírio, a França deveria alterar a sua política ao “fazer parte de uma aliança que luta contra o terrorismo e não de…

  • Opinião,  Secções

    A culpa (também) é nossa

    Os acontecimentos do dia 13 de Novembro de 2015 ficarão, para sempre, marcados na memória de todos nós como um atentado à liberdade. No entanto, e não me interpretem mal, a culpa daquilo que aconteceu ontem no Bataclan ou no Charlie Hebdo também é europeia. 11 de Setembro de 2001 Naquele dia, os “todo poderosos” Estados Unidos da América sofriam o mais violento e sangrento ataque de que há memória. George W. Bush, então presidente, decide, em retaliação para com a AL-QAEDA, invadir o Iraque e derrubar o ditador Saddam Hussein. A invasão norte-americana tinha como pretexto a suposta existência de armas de destruição maciça. Até ao dia de hoje,…

  • Atualidade,  Informação

    Abdelhamid Abaaoud. Foi confirmada a morte do cabecilha dos atentados de Paris

    Abdelhamid Abaaoud, o alegado cabecilha dos atentados de Paris do passado dia 13, foi abatido esta quarta-feira, durante a madrugada, na sequência da operação da polícia francesa em Saint-Denis, confirma a Procuradoria de Paris. O corpo de Abdelhamid Abaaoud foi encontrado entre os escombros. Aparentemente, Abaaoud não participou diretamente nos ataques, apesar de ser apontado como o orquestrador do ato terrorista que vitimou 129 pessoas e deixou feridas mais de 300, em Paris. A polícia francesa recebeu informações de que o cérebro da operação estaria num apartamento nos arredores da capital francesa e que se encontrava a planear mais ataques. A princípio, as autoridades pensaram que Abdelhamid Abaaoud se encontrava…

  • Atualidade,  Informação

    Madrugada inquieta França e restante Europa

    A madrugada de quarta-feira, 18 de novembro, trouxe à memória recente dos franceses o som de balas e explosões. Saint-Denis acordou sob um tiroteio entre forças francesas e os suspeitos dos atentados de Paris. Foi nos arredores de Paris, em Saint-Denis, que a polícia francesa detetou o grupo de suspeitos dos atentados da passada sexta-feira, 13 de novembro, em Paris, que vitimou 129 pessoas e feriu cerca de 350. Para além dos jihadistas, que se encontravam num edifício, estava também presente no local uma mulher que se fez explodir com a ajuda de um cinto de explosivos. A esta morte junta-se a de outro membro da organização e a detenção…

  • Literatura,  Secções

    Desenhador de Palavras – George Orwell

    Eric Arthur Blair é o nome verdadeiro de um dos melhores escritores que já pisaram este mundo: George Orwell, autor de obras como “1984” e “A Quinta dos Animais” (estes dois livros, juntos, venderam mais do que os dois melhores de qualquer outro escritor do século XX). Nasceu a 25 de junho de 1903, na Índia Britânica. Descendia de uma linhagem distinta: o seu bisavô era rico e dono de uma fazenda de escravos na Jamaica, e o seu avô era clérigo da Igreja Anglicana. Não chegou, no entanto, a herdar a fortuna dos seus antecessores. O seu pai trabalhava na Índia, para o governo britânico, pelo que durante alguns…