• Opinião

    A 4 Mãos: Enquanto a torneira não se fechar, ‘tá-se bem

    Marcos Melo (MM): Portugal está em seca e a água escasseia. O cenário é dramático. Segundo dados do IPMA de 15 de novembro, 6% do território continental encontra-se em seca severa e 94% em seca extrema. A falta de chuva resulta em falta de água, uma realidade inquietante que, nas palavras do presidente da Câmara Municipal de Mértola, se traduz num estado de calamidade. Em entrevista ao Telejornal da RTP, o Ministro do Ambiente, Matos Fernandes, disse que “os portugueses [só ainda] não se aperceberam [das consequências da seca] porque a água está nas torneiras”. É uma afirmação um tanto ou quanto polémica, mas certeira. Enquanto a água continuar a…

  • Opinião

    Redes sociais: a contribuição para o desaparecimento da privacidade

    Vivemos numa nova era. Numa era em que numa questão de poucos minutos podemos obter uma panóplia de informação acerca da vida de alguém. Numa era em que o registo fotográfico ou de vídeo de todas as nossas ações se tornou essencial para sermos considerados “normais”. Numa era em que, através de uma aplicação instalada no nosso telemóvel, nos podemos tornar nos influenciadores e, consequentemente, sermos remunerados por isso. Mas principalmente numa era em que, na minha opinião, já não existe privacidade, a não ser para aqueles que não utilizam redes sociais. As redes que se foram criando e desenvolvendo ao longo dos anos têm cada vez mais vindo a…

  • Opinião

    Perigo do Homo Supremus

    O planeta Terra desde há uns séculos atrás, quando foi invadido pelos humanos, que é supostamente dominado pelos homens que, na sua larga maioria, são pessoas insensíveis, materialistas e orgulhosas das suas (in)glórias… Sim, inglórias porque, mesmo quando o homem erra, a culpa nunca é do próprio, ou seja, tem de haver sempre um ou mais culpados que não ele. Por exemplo, se um homem chegar atrasado ao trabalho, a culpa será do cão que naquele dia levou os seus sapatos para outra divisão da casa ou dos pneus do carro que estavam mais vazios que o suposto ou até porque a mulher sem querer desligou o alarme e este…

  • Opinião

    Caminhando para o “abismo”

    Uma sociedade civilizada onde todos temos os mesmos direitos e os mesmos deveres, onde uma pessoa de etnia africana consegue sentar-se ao lado de um americano sem que este se sinta afrontado devido a questões raciais, onde um heterossexual consegue conversar com um homossexual sem que este tenha medo de afirmar “eu gosto de homens”, onde um islâmico abraça um muçulmano sem religiões à mistura a destabilizar a amizade que os mesmos poderiam ter. Todo um conjunto de situações que, apesar de serem um mote para alcançarmos algo memorável na nossa sociedade, apenas representam um mundo utópico muito acima dos “calcanhares” da realidade que vivemos. Acontece que dia após dia…

  • Opinião

    Cyber-Society

    Knock Knock… Who’s There? It’s me… Technology! Vivemos em plena era digital, onde o tradicional se transformou em moderno através de todo o tipo de tecnologias que alteraram por completo a nossa forma de viver. Desde os telemóveis (e mais tarde os iPhones, tablets, entre outros) até aos relógios “smart”, impressoras 3D, GPS, entre outros, é quase óbvio que não conseguimos sobreviver sem qualquer tipo de dispositivos tecnológicos. As relações de amizade e de amor têm hoje conceitos diferentes, a forma de comunicarmos com as pessoas é mais solitária e a maneira de nos relacionarmos com o mundo nunca mais será a mesma. A tecnologia está a seguir um rumo…

  • Opinião,  Secções

    Uma pitada de “Trump”

    Nos EUA a ansiedade relativamente ao dia 8 de novembro é cada vez maior, isto porque as eleições presidenciais americanas não têm deixado ninguém indiferente. Já pouco falta para as eleições e apenas dois candidatos aguentaram toda a pressão existente para puderem agradar, não o povo americano, mas sim todos os seus interesses e “angariar” dinheiro para os seus bolsos cheios de milhões. Quer isto dizer que, provavelmente, a motivação destes dois candidatos, ou pelo menos de Donald Trump, é encher o povo de ilusão. As polémicas “trumpianas” têm avançado a um ritmo alucinante e, semana após semana, conseguem denegrir a imagem de Trump e da sua própria campanha, virando…

  • Opinião,  Secções

    Only 4 Brussels?

    Na manhã de terça-feira, dia 22 de março de 2016, acordámos “atordoados” e chocados com notícias vindas de Bruxelas, as quais relatavam mais um atentado por parte dos terroristas do autoproclamado Estado Islâmico. Atentado esse que consistiu em duas explosões, uma no Aeroporto de Zaventem e outra na estação de Metro de Maelbeek, da qual resultaram mais de 300 feridos e cerca de 35 mortos, sendo que este número poderá aumentar dependendo do estado dos feridos graves que se encontram a receber tratamento nos hospitais militares. Uma vez mais não conseguimos compreender o que vai na cabeça dos terroristas: será que estão a fazer valer a sua doutrina islâmica? Será…

  • Opinião,  Secções

    1, 2, 3… “Selfie Murder”

    A nossa sociedade tem vindo a evoluir ao longo dos tempos e todos nós somos capazes de enumerar evoluções em todos os setores. Por exemplo: Na saúde as cirurgias implicam menos complicações; Na comunicação a internet é cada vez mais rápida e existem novos meios; Na ciência os instrumentos têm cada vez maior eficácia na investigação; E muitos outros exemplos, até chegarmos à evolução da mentalidade das pessoas. É neste último ponto que pretendo focar-me, aliando a mentalidade das pessoas à tecnologia e às modas existentes nos dias de hoje. Não é novidade para ninguém que as “selfies” são uma moda que veio para ficar e todos nós já tirámos,…

  • Opinião,  Secções

    “Tecnovirose” is on fire

    Eu nasci em 1995 e sinto que a sociedade nos tem tornado robots teleguiados pela tecnologia e pela comunicação de massas. A tecnologia traz toda uma panóplia de vantagens em termos de comunicação mais rápida e eficiente, diálogo com pessoas que não conhecemos (se for a pessoa correta), acesso a todo o tipo de informações, aumento da cultura geral e da difusão dos países ou de outro tipo de contextos que contribuem para o diálogo intercultural. Por outro lado, num piscar de olhos, deparamo-nos com imensas desvantagens tais como a insegurança, os boatos, a publicidade abundante, os supostos corações partidos por relações “à facebook” ou via Bluetooth com a troca…

  • Opinião,  Secções

    Um “mergulho” na Sociedade pouco Feminista

    Todos os dias penso que estamos numa sociedade modernizada e civilizada mas não: o papel da mulher permanece quase intacto, tendo mais deveres do que direitos. A sociedade, aparentemente liderada pelos homens, “esmaga” a presença da mulher, “empurrando-a” para caminhos difíceis e com diferentes obstáculos, onde é discriminada pelo próprio meio-social onde nascem ou habitam. Em termos psicológicos, o pensamento dos homens é algo muito natural e previsível, olhando para a mulher como um mero objecto sexual e de trabalho, com uma natureza física totalmente diferente. Focando-se, assim, nos pontos fracos do sexo feminino, de modo a poder “controlar” este ser a seu bel-prazer, ou seja, tudo está feito para…