• Opinião

    A segunda emenda

    Este artigo é escrito ao abrigo do novo acordo ortográfico O Donald Trump não é boa rês. Noutras notícias o céu é azul, a relva é verde e o Sócrates não é engenheiro. Os comentários do Presidente aquando o tiroteio na escola da Florida geraram alguma polémica, ao que parece. Trump gostava de que os docentes passassem a estar armados, como resposta ao incidente. Estou de acordo com o magnata – quando o Menino Tonecas disparar bolas de cuspo por uma palhinha contra um professor, que outro recurso que não a execução imediata pode existir? Esta obsessão americana pelas armas de fogo é velha como tudo e nasce basicamente de…

  • Atualidade

    José Sócrates não é engenheiro, explica Ordem

    Esta quinta-feira, a Ordem dos Engenheiros emitiu um esclarecimento aos seus associados no qual revela que “o ex-Primeiro-ministro José Sócrates Carvalho Pinto de Sousa não está, nem nunca esteve, inscrito na Ordem dos Engenheiros”. Na origem desta nota explicativa está um “inusitado número de interpelações e pedidos de informação”, conforme é possível ler-se na introdução do documento. No esclarecimento em questão, disponibilizado no sítio oficial da Ordem dos Engenheiros, é feita uma chamada de atenção para os “termos da alínea b), do n.º 2, do Art.º 4.º do Estatuto da Ordem dos Engenheiros”. É possível ler-se que quem define o estatuto de Engenheiro é a Ordem, não havendo a possibilidade…

  • Atualidade

    Ex-membros dos governos de Sócrates chamados a depor

    Esta sexta-feira, a acusação chamou a depor 8 membros de governos de José Sócrates, no âmbito da Operação Marquês. A lista das pessoas que terão de responder perante a Justiça é composta por 6 ministros—Teixeira dos Santos, Campos e Cunha, Mário Lino, António Mendonça, Nunes Correia e Pinto Ribeiro—, e 2 secretários de Estado. Grande parte dos nomes que figuram na lista fez parte de executivos do ex-primeiro-ministro, entre 2005 e 2011. Entre os nomes está a atual ministra do Mar, Ana Paula Vitorino. A ministra não terá, pelo que se sabe, nenhuma ligação pública a José Sócrates; porém, esta já não é a primeira vez que é chamada a…

  • Opinião,  Secções

    A minha pizza é maior que a tua

    A frustração de um homem é proporcionalmente inversa ao tamanho da sua pizza. Quanto maior a pizza, menor a preocupação em mostrar que a tem grande. Quanto menor, maior a vontade de esfregar na cara do adversário que a dele é ainda mais pequena. Pouca coisa pode ainda ser dita sobre esse obscuro e misterioso fenómeno social que sempre são as campanhas eleitorais para qualquer coisa. Este ano, para as Legislativas de 4 de outubro, porém, a estupidez está, em grande medida, a vencer por largos pontos ao bom senso. É o sinal dos tempos. Na nossa Escola Superior de Comunicação Social, no ano passado, haver apenas uma lista concorrente…

  • Opinião

    Pêras e Abacates: O papel da imprensa

    Peço, desde já, desculpa por voltar a falar de José Sócrates, mas servirá apenas como ponto de partida para o resto. Isto porque ouvi muitos debates a criticar o papel e a acção da imprensa no acompanhamento do caso. Sobre a questão de estarem a filmar no aeroporto, já falei a semana passada: o erro prende-se com quem quebrou o segredo de justiça, não com os jornalistas. Depois os mesmos fizeram o seu papel. Agora, a partir daí, concordo muitas vezes com o facto de não terem tido a abordagem correcta. Podemos começar com a questão de se saber que José Sócrates comeu cozido à portuguesa e apaga a luz…

  • Sem Categoria

    Sobre o jornalismo actual

    A detenção do ex-primeiro-ministro José Sócrates é o ponto de partida deste artigo de opinião. Contudo, não me debruçarei sobre as polémicas questões jurídicas que ensombram este caso. Em vez disso, interessa-me reflectir sobre os contornos da sua cobertura mediática. O cenário em que os acontecimentos se desenrolam constitui um desafio para a prática do jornalismo. A primazia dos fait divers sobrepõem-se, na maioria dos casos, à objectividade dos factos. Neste sentido, este artigo pretende, sem qualquer pretensiosismo, lançar algumas pistas para a reflexão sobre a actualidade do jornalismo.   O enredo em torno da novela Sócrates é digno de um argumento hollywoodesco, deixando pouca margem de manobra para os…

  • Opinião

    Hienas, Smarts e Josés

    Aviso prévio: esta crónica não está assente em nenhuma ideologia política. Pode causar alguns efeitos secundários, como estranheza, confusão ou surpresa. Em caso de agravamento ou persistência dos sintomas, consulte o seu médico ou farmacêutico. Se eu tivesse de confiar a minha vida a um político português, certamente que não seria ao José Sócrates. Para dizer a verdade, não confiaria a minha vida a nenhum político. No caso de Sócrates, já não é de agora, nem tão pouco da altura em que ele era Primeiro-Ministro. Não significa, porém, que eu possa falar dele como culpado. Começando pelos jornalistas, passando pelos comentadores políticos e terminando nos populares raivosos do facebook, todos…

  • Opinião

    Pêras e Abacates: A justiça tem de ser cega, mas a imprensa não

    José Sócrates foi detido à chegada ao aeroporto de Lisboa, na passada sexta-feira. Esta detenção já em si foi chocante, não só porque já vem tarde, na minha opinião, mas porque tal é inédito em Portugal. Algo igualmente chocante foram, no entanto, os comentários que alguns comentadores e jornalistas mediáticos fizeram sobre o acontecimento. A justiça em Portugal parece estar a mudar para melhor nos últimos tempos. Falo concretamente do caso dos “Vistos Gold” e, agora, da detenção de José Sócrates. A mesma tem de ser cega e, infelizmente em Portugal, a “máscara” com que tapa os olhos, como simbolismo disso mesmo, parece ter muitas vezes, ironicamente, dois buracos para…