• 7ª Arte

    “Wonder”, apenas mais um filme familiar

    Baseado no bestseller do New York Times e realizado por Stephen Chbosky, Wonder – Encantador estreou no passado dia 7 (quinta-feira). Foca-se na vida de August Pullman, um menino de 10 anos que nasceu com uma deformidade facial. O filme começa com um monólogo de August, cuja face se encontra escondida por um capacete de astronauta. Desta forma, a nossa atenção é inteligentemente captada. Neste momento, o filme parece ter tudo para nos apaixonar. O drama familiar acompanha um ano da vida deste rapaz: desde a sua entrada no 5.º ano de escolaridade, numa escola pública, até ao final desse ano letivo. No entanto, não passa disso mesmo: um drama…

  • 7ª Arte

    O Bom no Mau: “The Emoji Movie”

    The Emoji Movie estreou neste verão em todo o mundo e foi considerado um dos piores filmes de animação de sempre, tendo só 2.8 (em 10) no IMDB, 12 (em 100) no Metacritic e 9% (com uma pontuação média de 2.7) no Rotten Tomatoes, tendo por isso sido mal recebido quer pela crítica como pelo público. No entanto, tal não impediu o filme de arrecadar nos cinemas mais de 216 milhões de dólares em todo o mundo. O filme conta a história de Gene, um emoji com mais do que uma expressão, que, com a ajuda de Hi-5 ✋ e Jailbreak (para quem não sabe, o jailbreak é um método…

  • 7ª Arte

    LEFFEST – China Girl: um arquétipo do amor juvenil

     “Eles são amantes secretos… apanhados no fogo cruzado” – este poderia ser um excerto de Romeu e Julieta de Shakespeare, mas trata-se da sinopse do filme China Girl, realizado por Abel Ferrara, onde dois adolescentes sentem que o seu amor é proibido. Mas como o fruto proibido é o mais apetecido, nem os confrontos entre a sua família e amigos impediram que se juntassem.  A ESCS MAGAZINE traz-te uma crítica à obra que une a tragédia de Romeu e Julieta ao romance de West Side Story.    Nova Iorque é habitualmente a cidade que funciona como cenário dos filmes de Ferrara, não tivesse ele nascido e crescido no Bronx –…

  • 7ª Arte

    LEFFEST: O começo d’ “A Derradeira Viagem”

    A ESCS MAGAZINE volta a estar presente na 11.ª edição do Lisbon and Sintra Film Festival, que decorre até dia 26 de novembro. O primeiro dia foi marcado pela antestreia nacional do filme “Last Flag Flying” ou, em português, “A Derradeira Viagem”, uma das longas metragens que fazem parte da Seleção Oficial desta edição do festival. Esta comédia dramática foi realizada por Richard Linkater, mais conhecido por ter estado atrás das câmaras no filme “Boyhood: Momentos de uma Vida”. A história passa-se em dezembro de 2003, e nela acompanhamos Larry “Doc” Sheperd (Steve Carrell) a se reunir com os seus antigos companheiros na Guerra do Vietname, Sal Nealon (Bryan Cranston)…

  • 7ª Arte

    La La Land (2016)

    Sejamos francos: La La Land é a mais recente coqueluche de Hollywood. Em duzentas e vinte nomeações, o filme arrecadou mais de cento e oitenta. É recordista nos Globos de Ouro com sete prémios ganhos, e, só nos prémios da Academia, os mais ambicionados no mundo da 7ª arte, venceu em seis das 14 categorias para as quais esteve nomeado. E o coração das pessoas, esse, foi conquistado instantaneamente. Ou talvez não. Os dez primeiros minutos do filme são uma autêntica prova de fogo. Para aqueles que sentirem um nó na garganta, aguentem porque vale a pena. La La Land narra a história de amor entre Mia (interpretada por Emma…

  • 7ª Arte,  Secções

    Sausage Party

    Depois das muitas gargalhadas proporcionadas com Superbad, Pineapple Express ou This is The End, a dupla Seth Rogen e Evan Goldberg regressa com um dos filmes mais polémicos e chocantes de 2016 que tem dividido muitas opiniões, mas que curiosamente tem figurado para muitos como uma das mais geniais obras de comédia alguma vez produzida por ambos. O que é concretamente Sausage Party (ou Salsicha Party em português – o Google Tradutor encravou a meio da tradução) poucos conseguirão dizer. Talvez apenas que se trata de um filme de animação muito pouco convencional, um pouco à imagem de Happy Tree Friends, utilizando desenhos dóceis e inocentes (neste caso de comidas…

  • Opinião,  Secções

    Praxe: violência, obediência cega e discriminação

    A praxe académica é o conjunto de regras que define o que os alunos podem fazer, as relações entre eles e os rituais que devem cumprir. É uma tradição pela qual é quase obrigatório passar quando se frequenta o ensino superior, pelo caráter simbólico que ela tem: de integração dos alunos novos, de enaltecimento do curso e da faculdade e de preparação dos participantes para a sua vida. A praxe integra os caloiros ao pô-los todos ao mesmo nível, que é sempre abaixo do dos alunos mais avançados, que humilham um grupo de estudantes do primeiro ano para que eles possam integrar-se na faculdade. Mesmo que haja caloiros a defender…

  • Opinião,  Secções

    Quatro tipos de pessoas que me irritam no ginásio

    Vou ao ginásio todas as semanas. Quatro ou cinco vezes durante as férias, uma ou duas se estiver em aulas. Faço elíptica, bicicleta, passadeira, e vou às aulas, normalmente as de Stretching ou Yoga. Ainda assim, não sou uma pessoa que adora ir ao ginásio. Tenho até muitas coisas contra isso, na realidade: ter de sair de casa, para começar; transpirar; ficar exausta; tudo coisas que não gosto nada de fazer. Mas uma das coisas que mais me irritam são as pessoas. Há vários tipos de pessoas no ginásio. As minhas preferidas são aquelas que ficam “na sua”: chegam, fazem o seu exercício sossegadas, não se metem com ninguém. Mas,…

  • Opinião,  Secções

    O Lobo Mau e o jovem adolescente

    Tenho alguma dificuldade em assistir a documentários feitos sobre o vício da internet. Alguns familiares dizem-me que isso se deve ao facto de eu mesma ter esse vício (não sei do que falam, só passo cerca de 26 horas por dia em frente ao computador), mas sei que, na verdade, o problema não é esse. O problema está um pouco mais distante de mim e mais perto dos jornalistas que fazem estes documentários. Aqui há dias ouvi um senhor, cujo filho era dependente da internet, a dizer que, na televisão, “é tudo muito bonito”, mas que as coisas se passam de forma diferente na realidade. Ironicamente, o documentário onde esse…

  • Música

    Hollywood Undead – O Dia dos Mortos

    “Day Of The Dead” – é este o nome do mais recente álbum da famosa banda de Rap/Rock, Hollywood Undead. Antes de falar sobre o álbum em si, sinto que devo referir uma coisa que me deixou completamente hesitante. É normal que nos dias que correm as bandas se vejam na obrigação de lançar várias músicas do CD que está prestes a sair. Normalmente, um artista lança duas ou três músicas antes do álbum sair. Não foi isto que os Hollywood Undead fizeram. Por insegurança, ou por outra razão qualquer, o grupo decidiu lançar 7 faixas antes do CD sair. O álbum conta com 12 temas, mais de metade de…